Aproveitar a diversificação para melhorar a rentabilidade Imobiliária ajustada ao risco

Notícias > Blog > Aproveitar a diversificação para melhorar a …

Em um artigo anterior (Diversificar como um especialista no mercado imobiliário”) analisamos o que é a diversificação e por que é tão importante para um investimento rentável no mercado imobiliário. Neste artigo faremos uma análise mais profunda de como é aplicada a diversificação ao mercado imobiliário e à elaboração de um portfólio sólido de propriedades.

O objetivo geral de qualquer estratégia de diversificação é o de minimizar o risco e aumentar as oportunidades de rendas importantes. Para fazer isto, existe uma série de fatores que os investidores em bens de raiz devem levar em consideração:

 

Tipo de Propriedade

O primeiro que você deve considerar é em qual tipo de propriedades deseja investir. Em termos gerais, você poderá escolher entre comercial ou residencial; porém, existem subcategorias em cada uma destas opções que você precisa conhecer. Dentro de residencial, por exemplo, existe um número de diferentes opções a serem consideradas: propriedades de luxo versus propriedades não luxuosas, apartamentos versus casas individuais, propriedades para aluguel de férias, propriedades de aluguel, etc. Quanto aos locais comerciais, você tem que pensar em tudo, desde escritórios a centros comerciais e a edifícios industriais. Cada tipo de propriedade tem seus méritos, claro - uma propriedade residencial de luxo, por exemplo, tem a vantagem da exclusividade, o que o ajuda a proteger-se contra as flutuações do mercado; os bens de raiz que não são de luxo, pelo contrário, são mais baratos e mais fáceis de conseguir. A chave está em encontrar um equilíbrio entre cada tipo e oferecer uma variação suficiente para baixar o perfil de risco global de seu portfólio.

 

Localização da Propriedade

A localização das propriedades pode fazer toda a diferença quanto à obtenção de bons rendimentos. Os investidores terão que estudar o mercado de perto e avaliar quais cidades / países possuem mercados de propriedade fortes e quais não, e consequentemente investir depois. Sempre é recomendável encontrar bens de raiz em lugares que já são desejáveis e ainda em crescente popularidade; há uma série de indicadores que o ajudarão a determinar se uma localização está aumentando em termos de conveniência: aumento em desenvolvimento, aumento nas estatísticas de turismo, a abertura de novas atrações (restaurantes, hotéis, museus, etc.), a construção de melhores conexões de transporte. Miami, por exemplo, deu as boas-vindas a 14,6 milhões de visitantes em 2014, um recorde histórico para o turismo da cidade. Uma vez mais, a chave aqui é a variação: sempre procuram investir em mais de um lugar.

 

Estratégia de Investimento

As estratégias para o investimento imobiliário podem ser divididas amplamente em 4 categorias principais:

A escolha de qualquer destes enfoques dependerá de quais são seus resultados desejados; porém, as estratégias core e core plus representam as opções mais resistentes ao risco, tornando-as as melhores opções no que se refere à diversificação.

 

Horizonte de Investimento

Os investidores também deverão levar em conta os tipos de prazos com os quais querem operar. As estratégias em longo prazo, que se estendem por um par de anos, tendem a funcionar melhor para a diversificação do portfólio, devido ao fato de que o investimento em longo prazo tem um perfil de risco mais baixo que o investimento em curto prazo. Investir em base a anos em lugar de meses significa que se podem escolher propriedades mais seguras com porcentagens de retorno ligeiramente mais baixas, proporcionando tempo suficiente para que os ganhos se acumulem constantemente ao longo dos anos. Esta é uma abordagem muito mais segura do que ir a opções rápidas como comprar, reformar e vender, que costumam ser de alto risco e dependem muito da rentabilidade imediata (que ocorrem raras vezes no mercado de investimento).

 

Fevereiro 08, 2017

Artigos relacionados

3 problemas de investimento imobiliário internacional que a Bricksave resolve
Setembro 17, 2020

3 problemas de investimento imobiliário internacional que a Bricksave resolve

Muitas pessoas sonham em investir em imóveis, mas por várias razões, acham que é inacessível. Pode a Bricksave ajudar as pessoas superarem algumas das principais barreiras de entrada do investimento …

Por que investir em Lisboa
Setembro 09, 2020

Por que investir em Lisboa

Algumas das razões pelas quais investir em Portugal. Um dos países europeus com maior potencial de investimento imobiliário.

Crowdfunding x fundos de investimento imobiliário
Setembro 02, 2020

Crowdfunding x fundos de investimento imobiliário

Está pensando em investir em imóveis? Você provavelmente já viu a frase fundos imobiliários (FIIs) surgir durante sua pesquisa. Explicaremos a diferença entre o Crowdfunding Imobiliário e os FIIs para …

Imóveis disponíveis