Será o Crowdfunding o futuro do mercado imobiliário?

Notícias > Artigo do Blog > Será o Crowdfunding o futuro do …

 

Durante muitos anos, o investimento imobiliário a grande escala estava limitado a indivíduos de alto patrimônio, o que significa que o mercado estava fechado em sua maior parte ao público em geral. Esse sistema exige uma alta liquidez em dinheiro dos investidores, com o fim de financiar um projeto, o que fazia com que os investidores mais modestos fossem excluídos de muitas oportunidades de investimento em bens de raiz e só pudessem colocar seu dinheiro em propriedades menores e menos rentáveis ou em outros projetos completamente diferentes, nos quais os custos podem ser, com frequência, maiores que os ganhos do investimento. Este é o sistema tal e como estava; porém, o futuro pode chegar a ter algo mais a dizer sobre como se financia o mercado de bens de raiz.

Durante a última década, ou duas últimas décadas, o modelo de financiamento habitual para os desenvolvedores havia sido financiar seus projetos através de dívida ou capital proporcionado por um clube exclusivo de instituições de empréstimos ou investidores de alto patrimônio líquido. Existem alguns problemas com isto. Para começar, os prestamistas e os investidores de alto nível que pertencem a esse clube exclusivo tendem a procurar capital em curto prazo, com um prazo de não mais de quatro ou cinco anos. Isto significa que os desenvolvedores que estão tentando estabelecer projetos mais sustentáveis (desdobrando os ganhos durante períodos mais longos de tempo) frequentemente terminam ou não conseguem o financiamento que precisam, ou alteram sua visão para adaptar-se aos prestamistas / investidores e, portanto, colocam em perigo a sustentabilidade do projeto. Também existe o problema de monopolização: a enorme quantidade de capital necessário para investir significa que existe somente um número limitado de investidores de todo o mundo que podem solver essa quantidade de dinheiro, o que conduz a uma situação de os "suspeitos de sempre", na qual grandes quantidades de propriedades são financiadas sempre pelas mesmas pessoas.

Porém, graças a um maior uso e às oportunidades que surgem através da Internet, o futuro do investimento em propriedades já não pertence somente a indivíduos de alto patrimônio. A revolução do Crowdfunding agora chegou ao mercado imobiliário, o que permite aos consumidores comuns investirem em propriedades que antes eram impossíveis de conseguir, a compra coletiva da propriedade sobre uma base de comprar para alugar, e depois compartilhar as entradas do aluguel e os ganhos de capital. Isto proporciona uma versão mais democratizada dos investimentos imobiliários e libera os desenvolvedores da necessidade de assumir os objetivos em curto prazo dos investidores super-ricos; porém, também permite aos desenvolvedores perseguir melhores projetos e que sejam mais sustentáveis ao longo prazo, enquanto que, ao mesmo tempo, dão aos novos investidores de Crowdfunding a oportunidade de colocar seu dinheiro em projetos que lhes sejam mais entusiasmantes. Também há um desenvolvimento do alcance: o Crowdfunding, com sites web como Bricksave, permite aos investidores menores navegar e investir em propriedades no estrangeiro, algo que não era possível no velho sistema, devido à exclusividade do mercado. Como resultado, agora é possível os indivíduos criarem um portfólio imobiliário internacional diversificado e gerar rendimentos que anteriormente teriam sido impossíveis.

Com o uso da Internet no desenvolvimento das regiões geográficas que experimentam enormes taxas de crescimento, é provável que a evolução do mercado imobiliário continue, com mais e mais propriedades e plataformas utilizando Crowdfunding e entrando no mercado. Isto, por seu lado, dará lugar a menos poder dentro do exclusivo clube dos prestamistas e dos grandes investidores mencionados anteriormente, e mais poder em mãos dos investidores e desenvolvedores comuns que estão tentando criar soluções sustentáveis, e dessa maneira dar-lhe mais estabilidade ao mercado em geral. Acredito que o Crowdfunding Imobiliário dará lugar a uma comercialização global do mercado de investimento imobiliário nos próximos cinco anos. Em Bricksave estamos muito contentes de estar na vanguarda desta mudança e de permitir que um novo grupo de pessoas invista no mercado imobiliário.

 

por Bricksave CEO, Tom de Lucy

 

Janeiro 18, 2016

Artigos relacionados

Investimento imobiliário – como lucrar com a inflação
Maio 24, 2022

Investimento imobiliário – como lucrar com a inflação

A inflação está aumentando em todo o mundo. Graças à globalização, baixas taxas de juros e avanços tecnológicos, as famílias desfrutaram de anos de condições financeiras favoráveis. Entretanto, impulsionados pelos …

O que é fintech?
Maio 06, 2022

O que é fintech?

A tecnologia financeira, mais conhecida como fintech, está revolucionando o mundo dos serviços financeiros (FS). Mas o que é isso, exatamente? Elaboramos um guia rápido com informações necessárias sobre tudo …

4 maneiras de investir em imóveis
Abril 22, 2022

4 maneiras de investir em imóveis

Os imóveis são um dos tipos de investimento mais atraentes e sólidos do ponto de vista histórico; porém, nem todas as pessoas possuem suficiente dinheiro em espécie para comprar, facilmente, …

Imóveis disponíveis

O investimento está associado a riscos, incluindo a perda de capital e a falta de liquidez. Leia nossa Advertência de Riscos antes de investir.