Capacitação > Notícias

As 6 melhores localizações imobiliárias para Investir

Set 28, 2016

O Colliers Global Investor Outlook (Panorama Global Colliers para o Investidor) mostra que mais da metade dos investidores profissionais têm a intenção de dedicar uma porção significativa de seu portfólio no mercado imobiliário no ano de 2016, em que o mercado de propriedades global está começando a ser visto como a opção de investimento mais lucrativa.

Agora que estão sendo abertas novas oportunidades no mercado de propriedades através do Crowdfunding Imobiliário, pode ser que seja o momento de começar a pensar sobre quais localizações geográficas sejam as melhores, quanto ao potencial de rentabilidade. Aqui detalhamos nossa lista das 6 melhores localizações para o investimento imobiliário:

 

Londres

Londres obteve a posição mais alta para as “30 Melhores Cidades para Investimento Imobiliário” do Fórum Econômico Mundial, por três anos consecutivos, de 2012 até 2014. A cidade tem um dos mercados de bens de raiz mais fortes do mundo; os preços subiram na última década, e este ano experimentaram um aumento de 14%. A princípios do verão, o preço da propriedade, em média, em Londres, alcançou £ 600.076, o mais alto na história da cidade.

 

Nova York

Geralmente em segundo lugar na lista das melhores cidades para o investimento imobiliário do Fórum Econômico Mundial, Nova York continua sendo uma potência no cenário de investimentos imobiliários. Os investidores que participaram na pesquisa da Colliers Global Investor Outlook declararam que Nova York será um dos objetivos principais para o investimento imobiliário mundial em 2016. A fins de 2015, viu-se o recorde de preços das propriedades em Nova York; o preço médio de venda chegou a US$ 1,15 milhões, e o preço por pé quadrado chegou a US$ 1.645. Uma mudança potencialmente significativa para o mercado imobiliário de Nova York é o como se relaxaram as regulações do investimento estrangeiro dos Estados Unidos na Lei do Imposto sobre a Propriedade de 1980, o que pode conduzir a um maior investimento na cidade, a partir do estrangeiro.

 

San Francisco

Apesar de não alcançar a fama mundial da qual goza Nova York, o mercado imobiliário de San Francisco é, no entanto, muito forte - os investidores do escritório da Colliers Global Investor Outlook, na realidade, indicaram que San Francisco é, atualmente, um objetivo mais importante que Nova York, planejando investir 27% em San Francisco, e somente 24% no que diz respeito à Nova York. Um informe da Knight Frank sugere que o setor tecnológico de San Francisco está impulsionando um aumento de bens de raiz comerciais da cidade, com um crescimento do aluguel de edifícios em torres de escritórios que superam os 8%.

 

Paris

Paris é outra cidade que aparece frequentemente nas listas das cidades do mundo com alto investimento em bens de raiz no Fórum Econômico Mundial; a capital francesa também foi nomeada como um objetivo chave de investimento pelos participantes da pesquisa Colliers Investidor Global Outlook. Os volumes de vendas de propriedades em Paris subiram 15% em 2015, e a cidade registrou um aumento imediato do preço das propriedades, de 0,4% já no primeiro mês de 2016. Como uma das cidades mais visitadas do mundo, a popularidade de Paris como destino turístico continua tendo um efeito positivo no mercado imobiliário, o que ajuda a impulsionar a economia de bens de raiz em geral; de fato, a França, em seu conjunto, apresentou um número recorde de visitantes em 2015 – ao redor de 84,5 milhões.

 

Tóquio

Tóquio está vivendo, atualmente, uma espécie de auge imobiliário. Os preços de venda de apartamentos aumentaram em 9,1%, em 2015, a ¥ 55,2 milhões, o mais alto em 24 anos. O mercado imobiliário de luxo na cidade também viu um forte aumento, com vendas de bens imóveis pelo valor de mais de ¥100 milhões, o que significa um aumento de 86%. Em geral, os preços dos imóveis vêm aumentando em Tóquio desde o ano de 2012, com os condomínios recém-construídos com um aumento incrível de valor de 21,2% ano após ano. O preço da terra também está subindo (ainda que de maneira mais constante), devido ao plano do governo japonês para estimular a economia do Japão, o que vem tendo efeitos positivos no mercado imobiliário.

 

Miami

Miami tem um dos mercados de bens de raiz mais fortes dos Estados Unidos, devido à conveniência de sua localização e o interesse estrangeiro. Segundo a Forbes, os preços das moradias no sul da Flórida, em seu conjunto, estão em alta, e continuarão aumentando nos próximos anos - somente no último ano, registrou-se um aumento de 6,44% no valor dos bens de raiz em Miami. A cidade ao lado da praia está vivendo um boom de desenvolvimento, com 20.000 novos apartamentos construídos na última década, e uma série de novos espaços culturais em construção, incluindo uma nova galeria de arte contemporânea que abrirá em 2017. O Condado de Miami-Dade também recebe quase 35.000 novos habitantes por ano – e mais habitantes significam uma maior necessidade de vivenda, o que, portanto, aumenta o investimento.

Propriedades atuais

Apto. 306, The Club em Bay Harbor, Miami

Apto. 306, The Club em Bay Harbor, Miami


Miami, United States of America


Retorno anual estimado* 12,36%

Duração do investimento 4 anos


66% Financiado US$ 404.395

Target US$ 612.033


The Chatsworth, Nova York

The Chatsworth, Nova York


New York, United States of America


Retorno anual médio estimado*7,14%

Total investidoUS$ 0

 


0% Financiado US$ 0

Target US$ 692.521


Invista agora
Apto. 7o2A, Corsega 60, Barcelona

Apto. 7o2A, Corsega 60, Barcelona


Barcelona, Espanha


Retorno anual médio estimado*9,78%

Total investido€ 0

 


0% Financiado € 0

Target € 432.600


Saiba mais

Seja o primeiro a saber sobre novos lançamentos de propriedades assim que ficarem disponíveis.

*Este valor é aproximado e não deve ser considerado um valor garantido. O montante de seus investimentos pode aumentar ou também diminuir. O prazo máximo de compromisso de seu investimento é de 4 anos.

Empresas associadas